Coluna do CPDoc

A Pretensão do TELECO

Quando o TELECO surgiu, ou até antes de encarnar TELECO, vivíamos uma situação de pouco estímulo a leitura. O apelo da TV era soberbo e atrativo. Os computadores estavam se estabelecendo e ocupando grande espaço do interesse infanto-juvenil. Saímos de um período de ditadura, em que a educação e cultura fora prejudicada, sobrepujada por interesses outros e a nossa juventude pouco ou nada lia; salvo os filhos de uma parte da classe média mais abastada, por conta de educação em escola particular, que nem era tão estimulada mas “forçada” (se assim se pode colocar) a ler.

Então o peralta TELECO queria ser o mote, a referência de estímulo à leitura. E mergulhou de cabeça encarnando essa idéia. Sinto que depois do TELECO, até melhorou o padrão cultural da população infanto-juvenil, a despeito do nascimento e idéia do TELECO. Os pais e educadores, talvez tenham se aplicado pouco mais, mesmo a TV incrementou sua programação com algumas opções mais educativas, menos apelativas (que ainda há) a mídia informatizada se estabeleceu útil, dinâmica, aprazível... mas o TELECO é uma idéia que ficou. Precisa ser aprimorada, aperfeiçoada no afã de conquistar seu público, tornar-se atraente. Ele sonha com isso, afinal gosta de fazer efetivamente amigos; mas talvez seja meio desajeitado, tímido, retraído e precise de estímulo de sugestão dos amigos do CPDoc que o viram nascer. Ele quer brincar e ajustar-se ao público. Quer ser manuseado, riscado, colorido. Quer falar de espiritismo, seu grande amor e paixão. Talvez queira reencarnar, mas ainda com o propósito literário. Pretende ser amigo do leitor e da leitura.

Conheça o TELECO, fale com ele, fique amigo dele.

Geraldo Pires de Oliveira é massoterapeuta, e membro do CPdoc.

O TELECO é um projeto de apoio à leitura infanto-juvenil do CPDoc. Informações, trabalhos publicados e eventos promovidos pelo CPDoc estão apresentados no site do grupo, em breve estará no ar, totalmente modificado. Contatos diretos podem ser feitos através do e-mail Este endereço de email está sendo protegido de spambots. Você precisa do JavaScript ativado para vê-lo.

Quem somos

O CPDOC Iniciou suas atividades em 1988, fruto do sonho de jovens espíritas interessados na inserção da crítica coletiva como prática estimuladora ao aperfeiçoamento dos trabalhos.

Acompanhe-nos nas redes sociais

Mala Direta

Se inscreva em nosso mala direta e receba nossas novidades em seu email